Amor de uma vida!


Amor de uma vida!

Sinto teu beijo devorar arrepios de amor
Envolvido no sentido eloquente da paixão
que os traços húmidos aceleram em tentação
da faminta necessidade de amar sem pudor...

Mais que fulgor, ardor, primor…foi amor
onde os gemidos anunciam suado tesouro
em corpos entregues em poros de ouro,
que meus olhos se lambuzam na dourada cor.

A cor de tua alma cravada no amor de meus olhos
Apaziguam penetrações de paixão desmedida
onde colhemos orgasmos aos cachos e molhos,
plantados na carne virgem de loucura fundida,
gritamos em idiomas apaixonados olhos nos olhos
que as lágrimas provam que é amor de uma vida!

Robert

3 comentários:

Anónimo disse...

Esse eu poetico vive e enfrenta os pequenos labirintos, por onde passa a vida. Um jogo de vida ou morte que e a busca daquilo que o preenchera. Essa necessida de preencher lacunas vivas em nos, e que nos torna seres sociaveis. Precisamos ter e estar com alguem, e uma necessidade latente de dividir a a vida, ou apenas o nada.

"FLOR MORENA "

Nalva disse...

Até a imagem é aconchegante,acho que amor viaja por todas as vidas...
Uma vida não é bastante pra um amor de verdade...lindo querido poeta!

Beijos!

Anónimo disse...

AMOR DE UMA VIDA, AMOR DA VIDA, AMOR PELA VIDA ... O IMPORTANTE É AMAR, AMAR E AMAR...SIMPLESMENTE AMAR E SE DEIXAR AMAR...SHOW DE POESIA...YLUNA ANGEL

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...