Sonho em não deixar de sonhar


Sonho em não deixar de sonhar

O vento fustiga a alma indiferente
e nem a saudade abrupta mais inquieta.
Amar-te como te amo é exactamente
o mesmo que ser um louco poeta.

Para amar assim existir não basta
É mitológica a explicação do que sinto
É amor sem etnia mas da mesma casta,
que explode em mim por puro instinto.

Nas veias corre amor e tua presença
esmaga agora todas as cruéis ansiedades
escritas outrora pelo poeta que agora pensa
que deste amor a dormir vai ter saudades.

Meus sonhos jamais serão tristes
a felicidade da caligrafia em verso
Escreverá sem nome o local onde existes…
Amo-te mesmo no deserto mais disperso.

Serei escravo da alma inquieta do teu corpo,
do teu coração que clama em mim existência,
Prefiro tua presença mesmo que esteja morto
A estar vivo na solidão de tua ausência.

Os sentidos ensejam pelo que não vejo.
Mesmo que na ilusão do meu sonho,
Teu amor seja o único desejo,
de uma vida árdua que recomponho….

Robert

7 comentários:

Anónimo disse...

Essa veia poetica, por onde caminha toda essa inquietude humana, foi forjada nas vielas de Monsaraz... a imagem e de um conto de fadas, amei...
Flor Morena

Nalva disse...

Nossa Rob,que coisa mais linda,romântica...você colocou sua alma na poesia,dá pra sentir sua linda alma...e sonhar!

Bom dia poeta,beijos!

Anónimo disse...

Uma poesia maravilhosa, bem cuidada, ornada por um capricho só seu...a saudade não me larga nem por um minuto, não sei como pode isso. Grande abraço! Camille Simeone

Sandra Amorim disse...

Ai Rob, viajo na imaginação dos teus poemas...Voltei num suspiro... Obrigada pela viagem,rs Lindo demais! beijoooooo

Anónimo disse...

Sonho em deixar de sonhar ou mudar o rumo do sonho ou a forma de sonhar. Sonho em não sonhar os desejos fantasiados um dia por mim e você. Até mais ou até qualquer dia !

Anónimo disse...

USANDO A IMAGINAÇÃO...SONHANDO COM O MEMENTO..QUEM PERDE OS SONHOS...PERDE O PRAZER PELA VIDA...O SONHO FAZ A GENTE SENTIR-SE VIVA E DISPOSTA...SONHO EM UM DIA TER TUDO O QUE ALMEJO...MUITO BOM...BEIJOS...YLUNA ANGEL

Anónimo disse...

o vinho corposo na taça repousa/
leio versos novos, são tantos e belos/
és um amante lindo, seus poemas voz pura e ardor/
luz que cruzou meu caminho/
mistérios que me metem fogo no amor/
cavalo alado/ figura heróica/
paixão de afrodite, Adonis desejado/
não pode ser duvidoso quem escreve estes versos?
quem escreve assim, só pode ser perfeito dentro, não pode ser diferente....ariel

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...