Paixão de Guerra (1)


Paixão de Guerra

(1)

Acordei com o miar da gataria correndo pelos telhados
de telha lusa e os néon que renasciam embriagantes.
Fui até à janela entreaberta e sentei-me,
com ar desmazelado…entre mil e uma ressaca
com os cabelos desatinados pelo homicídio do álcool,
em que a carpete suja tinha sido meu tumulo…
A névoa cor de azul verdadeiro pedia um analgésico
forte para atenuar a cegueira entre meus olhos e o
aglomerado de pérolas de salto alto recebendo indicações
do chulo descarnado e salpicado de um Patchouli rasca….



Ainda não tinham acendido as luzes do meu quarto envergonhado pela
desilusão desconsolada de ser um poeta analfabeto de
ideias afogadas no Gin e pelo infortúnio de uma convocatória
militar amarrotada e sebenta, escondida na algibeira
rota do fato cheio de poeira…
Ferviam pensamentos suicidas que gritavam enlouquecidos
meus sentidos...ao não conseguir abotoar uma simples camisa.
Minha boca seca e anelante tremia como um cavalo de corrida cansado...
…e cansada a voz disse-me!!
— Merdaaaaaaaaaaaaaaa…..Toma vergonha!
Quem grita?
— Tua alma…sou eu…



Noite de Agosto….

O néon já arde neste meu quarto…devoluto de felicidade

sem brisas dos cataventos de outrora que redopiavam

enquanto escrevia ao som dos espanta-espíritos de búzios….

Nem mesmo o papagaio palrador ranzinza me xinga mais…

Morreu!

Sai deambulante pela calçada noturna pontapeando beatas de cigarros

mal apagadas e repletos de marcas de batom…

Quando do nada um ser emplumado como o pescoço dum pavão

lança o repto seco:

- Tudo apenas por vinte euros!

Minha cabeça desértica calabreou aquele olhar trémulo com medo

de errar o discurso encomendado…ela ainda cheirava ao Patchouli rasca.

— Sou eu, caminhante sem esperança…em missão de guerra…ajuda-me!

Mas nas poeirentas algibeiras apenas está sepultado meu triste destino…

Desatino…

Robert
(Continua)






































2 comentários:

Sandra Amorim disse...

Meu poeta e escritor favorito, vc se superada a cada dia! Parabéns! bjs

Ariel Arielaaqwswd disse...

Vai ficar maravilhoso poeta! não vejo a hora de ler as cartas....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...